Deixando aqui o comentário de um egresso do PPGCA UTFPR que fez Doutorado na Austrália:
Certamente tem ganhos e perdas, sou inclinado a dizer que mais ganhos do que perdas. Como principais pontos positivos. Resiliencia, Comunicacao, Capacidade de abstrair um problema para fora do seu contexto e generalizar uma solucao. Capacidade de escrever e preparar documentos, relatorios, etc. Mas existe o custo, o trade-off, para mim, foi o tempo. Entre o bacharelado e PhD foram 8 anos dedicados na sua quase totalidade a “estudar” e o mercado esta ficando cada vez mais duro com os profissionais “mais velhos”. Essa quase decada teve um custo alto para mim. (desculpem a falta de acentos, meu teclado nao tem os caracteres ABNT).
https://www.linkedin.com/feed/update/urn:li:activity:6679151271171244032?commentUrn=urn%3Ali%3Acomment%3A%28activity%3A6679151271171244032%2C6679159856513077248%29

Sou Professor da UTFPR. Aqui publico textos em português. Texto em inglês estão em https://medium.com/@adolfont Twitter: https://twitter.com/adolfont.

Sou Professor da UTFPR. Aqui publico textos em português. Texto em inglês estão em https://medium.com/@adolfont Twitter: https://twitter.com/adolfont.